Arquivo | desligueopcevalerumlivro RSS feed for this section

Desejo: Livro Dando Vida a Desenhos de Walt Stanchfield

7 nov
 Fazia um tempo desde que eu tive desejo de comprar um livro, mas quando soube do “Dando Vida a Desenhos” de Walt Stanchfield, esse meu desejo voltou com potência máxima.
Se você não sabe, Walt Stanchfield foi um animador, escritor e professor americano, conhecido por trabalhar e ensinar nos estúdios da Disney.
Na década de 70, Stanchfield e Eric Lesson criaram um treinamento para os novos animadores dos estúdios Disney. O programa incluía várias aulas semanais e palestras, e em 2009 as notas sobre o treinamento, as palestras e até os comentários que Walt fez viraram esses dois livros!

Lendo o post bem interessante que o blog The Concept Art fez sobre o livro (aliás, visitem o blog é muito bom) minha sede de ter esses livros ficou ainda mais insuportável.
Walt ensina como dar uma alma a cada desenho, por mais simples que ele seja. E quanto mais simples melhor. Segundo ele “Desenhe idéias, não coisas; ação, não poses; gestos, não estruturas anatômicas”

Preciso seriamente desses livros.

Desligue o PC e vá ler um livro: Minha primeira compra na internet!

6 abr

Gente, hoje aconteceu um marco revolucionário na minha vida ahah
Fiz minha primeira compra na internet! Eu comprei um livro no Submarino, o Memórias de uma Gueixa, que eu já assist o filme, e quem me acompanha no blog Another Girl Another Planet   viu minha resenha. É um dos filmes que eu mais gosto, e quando eu vi a promoção do site (De 69,90 por 9,90) não consegui me segurar!!!

 Nunca tinha comprado NADA pela internet. E sempre rola aquela isegurança orrenda, onde nós sempre se perguntamos: será que chega?
  Bom, essa pergunta eu só posso responder quando meu livro chegar, mas pelo que eu li, e pelo que me falaram (muito bem por sinal), o produto chega bem certinho, e dá pra pagar pelo boleto, o que é ótmo no meu caso. No site, depois que você fizer login, dá pra ir acompanhando sua entrega, quantos dias faltam pra chegar etc…
 Estou muito ansiosa mesmo! Fui mexer mais um pouco no site hoje e descobri uns livros ótimos! QUE VONTADE DE COMPRAR TODOS! Mas eu tenho que me controlar, senão meu salário inteiro vai só em livros!

Olha só os livros que estão na minha lista do mês que vem, e no proximo haha

#1 O Discurso do Rei 

Tô secaa pra comprar esse livro, já ouvi falar muito bem  sobre o filme, que conta a história de um rei gago.

#2 Dexter

Você provavelmente já deve ter ouvido falar da série Dexter, que fala basicamente de um assassino de assassinos. Apesar de não assistir a série (mas ter vontade) o livro está na lista haha

#3 Orgulho e Preconceito

Faz um tempo também que estou namorando esse livro!

Bom, por enquanto são esses três, eu sei que eu não vou ter tempo de ler tão cedo, mais é sempre bom ter em casa, quado voce quer ler ele sempre está lá 🙂

Desligue o pc e vá ler um….Mangá?

26 mar
Oi povo do meu Brasil varonil. Hoje o desligue o pc e vá ler um livro vai ser um pouco diferente, porque ao invez de um livro, o comentado de hoje será um mangá.

Explicaçao Rápida: Mangá é quadrinho japonês.

O mangá se chama Kekkaishi 結界師- mestres de barreiras.

A série é sobre Yoshimori Sumimura e Yukimura Tokine, herdeiros do clã Hazama, que devem defender a sua escola de espíritos atraídos para a terra sagrada. Tudo isso porque antigamente a escola era um castelo, que continha uma energia tão forte, que todos os monstros (Ayakashis)eram atraídos pra lá pra tentar se fortelecer. Yoshimori, é secretamente apaixonado por Tokine, que é mais velha e mais habilidosa que ele.

Seu sonho é um dia conseguir fazer um castelo só de doces. O mangá tem partes de ação e partes engraçadas, o que eu gosto muito. Mas quando fui tentar assistir o anime, não gostei, não sei porque.
No final das edições sempre tem um “Bonus” em que a artista criadora Yellow Tanabe explica poucoa pouco como foi o processo de criação da história, dos personagens, dos cenários… Tudo de uma forma muito engraçada haha

  No Brasil, a Editora Panini lançou o mangá em Junho de 2010.

Desligue o pc e vá ler um livro!

16 mar

 No desligue o pc e vá ler um livro, vou dar dicas de livros que li,ou não, para que você possa tirar um pouco sua bundinha torneada da cadeira, e ir viajar no mundo literário!

 O livro de hoje é: Ensaio sobre a cegueira, de José Saramago




O livro começa quando um homem, que está dentro de um carro parado no sinal, perde de repente a visão. Mas a cegueira  não era uma cegueira dita “normal”. Como dizia o próprio homem, é como se ele estivesse mergulhado em um mar de leite. A anomalia foi chamada de mau branco.
 Ele foi levado pra casa, sua mulher logo procurou um oftamologitsta. Depois disso todos que tiveram contato com ele ficaram cegos também. Menos a mulher do médico. O governo, tentou tomar medidas drásticas, e enviou todos os doentes para uma “quarentena”. No começo poucos são levados para esse tal lugar que a mulher do médico (sim, ela deu um jeito de ir junto) descreve como sendo um manicômio abandonado. O manicômio tem vigilância máxima de 24 horas, não sendo possível as pessoas sairem até meio metro da porta. Aos poucos vai chegando mais e mais gente, a comida vai ficando escassa, não há agua limpa, nem banheiros decentes. A unica que vê é a mulher do médico, que não pode fazer nada.

O que achei do livro:


Esse livro é muito lindo. Me fez sentir tantas emoções, chorei, me angustiei. Acho que essa foi a intenção do Autor, nos deixar um pouco angustiados com nós mesmos. Nós, os seres humanos tão egoistas, só olhamos para nós mesmos. Quando saímos da nossa zona de conforto, a coisa fica pior ainda. Mas no final do tunel sempre há uma luz. Essa foi a primeira obra literária que li com gosto, mais por prazer do que por obrigação, e não me arrependi. A leitura no começo é um pouco difícil, porque o autor (José Saramago)  não costuma pôr paragrafos, e pra distinguir as falas ele só usa ponto e vírgula. Mas depois que você se acostuma, acha até estranho os outros livros ahaah

Em 2008 foi feito um filme, com o mesmo nome do livro, seu diretor foi Fernando Meireles (conheçe?).


É um livro que com certeza eu queria ter na minha prateleira 🙂