Arquivo | Nostalgia RSS feed for this section

Anéis Geek!

16 nov

Nesse final de ano, a moda não é mais aqueles anéis “basiquinhos” e normais. A criatividade vale muito quando se vai escolher um acessório. Hoje no blog eu listei alguns modelos bem diferentes e Geeks de anéis, pra você que como eu não tem medo de ousar com um acessório divertido!

Eye Ring

Já pensou em usar um olho no dedo? Parece bem coisa da Lady Gaga né? Até me lembrou o clipe Born This Way, em que ela tem um olho no queixo haha. Apesar de todos eles serem com o tema de olhos, os modelos são diferentes. Alguns deles eu acho que até já vi em barraquinhas de hippies aqui na minha cidade.

Mustache 

Mustache foi a tendência de 2011. Vai dizer que você nunca viu nenhuma pessoa com esse bigodinho desenhado no dedo, ou em acessórios e camisetas? Esse bigodinho fofinho é conhecido mundialmente e virou febre entre os jovens do mundo. E os anéis estão aí pra comprovar!
Pac-man


Pac-man é muito nostálgico. Esses anéis tipo soco-inglês, foram os primeiros anéis que eu vi. Depois garimpando um pouco no Sr.Google encontrei esses outros modelos, que também são lindos!
Super-Heróis
Esses são meus preferidos! Tem coisa mais Geek do que história em quadrinho de super heróis? 
Lego

Outro objeto bem nostálgico é o lego. Olha só que criativos esses anéis!
Com tanta opção diferente, fica até difícil escolher o mais criativo! O jeito é você escolher o que mais faz seu estilo!

Anúncios

#Nostalgia: Roxette – It Must Have Been Love e Listen To You Heart

10 out



Roxette é uma dupla de música pop rock sueca formada por Marie Fredriksson e Per Gessle. A dupla alcançou sucesso mundial entre o fim dos anos 1980 até meados dadécada de 1990. As músicas It Must Been Love e Listen To Your Heart, me trazem lembranças boas. Tá bom que eu não sou tão velha assim. Enfim, resolvi postar porque todo Domingo à noite eu resolvo ficar ouvindo essas músicas, então talvez eu crie uma sessão pra elas depois.

Agora me lembrei de uma coisa que meu pai sempre diz: “Essas músicas são boas, porque ficaram na memória, não era só fogo de palha. Quando a música é boa, ela dura pra sempre, e não só por alguns anos depois é esquecida”. Tá certo pai.

Melzinho de Viagem!

9 set

  Tem muitas coisas que tem o poder de me deixar com aquele sentimento bom de nostalgia, e uma delas com certeza  são aqueles melzinhos, que tem em toda boa parada de viagem.
Meu pai nunca teve aquele mundaréu de dinheiro. Quando íamos viajar era sempre de carro, e eu tenho muita saudade desse tempo. Toda vez que parávamos pra tomar café ou ir ao banheiro, eu e minha irmã tínhamos direito de escolher alguma coisa da lanchonete, e adivinha o que eu escolhia????
  Isso. Mel. Ou “tripa de mel” como chamam aqui.
Semana passada eu percebi que na cantina tinham alguns, e pedi (apesar do preço ser bem amarguinho).     Quando tomei me veio na cabeça as imagens de todas as viagens que eu fiz, e acho que não é brincadeira quando dizem que as vezes sua vida inteira passa diante dos seus olhos como um filme quando você morre.No meu caso como eu não morri, só tomei o melzinho, o filme que passou na minha cabeça foi só o das viagens com a família (viagei mentalmente agora 😐 ).
Agora toda vez que eu vou lá eu quero comprar, já tinha esquecido de como era viciante, e é bem mais gostoso que doce de leite. Sério.
 Nossa esse post ficou  tosco. Mas eu vou publicar mesmo assim, porque é sexta feira! E nada que eu disser hoje vai fazer sentido 🙂

Gostinho de nostalgia com as ilustrações de Stuart MchLan

7 jul

 O ilustrador StuartMchLan, faz umas ilustrações muito legais, que me deram uma sensação total de nostalgia. É bom quando vejo anuncios assim, os de antigamente eram muito mais bem pensados e bem-feitos, parece que o artista tinha mais preocupação com  o tema e o que o desenho precisa passar para pessoas.

Dá uma passada lá no site dele 🙂

História de terror!

3 maio
30_04_2008_0386472001209581172_joshua_hoffine_large





Uma pequena garota estava sozinha em casa com seu cachorro para a proteger. Quando a noite chegou, ela trancou todas as portas e tentou trancar todas as janelas mas uma se recusava a fechar. 

Ela decidiu deixar a janela destrancada e então foi para cama. Seu cachorro tomou seu lugar de costume em baixo da cama. 

No meio da noite ela acorda por causa de um som de gotas vindo do banheiro. A menina está muito assustada para ir ver o que era então ela estendeu sua mão para baixo da cama. Ela sentiu a lambida de seu cachorro e então voltou a dormir. Ela acorda novamente por causa do som das gotas, estende sua mão para baixo da cama, sente a lambida de seu cachorro e volta a dormir. Mais uma vez ela acorda, estende a mão e sente a lambida. 

Agora curiosa sobre o som das gotas, ela se levanta e lentamente anda até o banheiro, o som dos pingos foi ficando mais alto de acordo que ela ia se aproximando. Ela chega no banheiro e liga a luz. Ela é recebida por um horrível sinal; pendurado no chuveiro estava seu cachorro com a garganta cortada e o sangue caindo na banheira. 

Alguma coisa no espelho do banheiro chamou sua atenção e ela virou. Escrito no espelho com o sangue de seu cachorro estavam as palavras “HUMANOS TAMBÉM SABEM LAMBER”



Minha amiga Manu me contou essa história nesse final de semana. Deu um medinho, pelo jeito que ela contou, mas apesar da sensação de medo, o que eu mais senti foi nostalgia. Que saudade das vezes em que eu e minha irmã iamos posar na casa da minha prima, e ela nos contava esses tipos de histótias! Nossa, agente quase morria de medo, e praticamente não dormia. Eram tempos muito bons, e quando eu ouço esse tipo de história, eu sempre me lembro.